May 30, 2013

Butcher's Shop

E quem disse que não dá até para frequentar um lugar um pouco mais disputado com um bebê? Li e acredito que bebês devem ser preservados de ambientes como restaurantes cheios e barulhentos. Concordo plenamente. Por isso, ainda não saímos com o Dani para jantar fora aos finais de semana e em lugares mais famosos.

Há quem leve o filho com a babá. Há uns 2 anos, vi duas babás cuidando de bebês na entrada do restaurante Dui. Não é uma opção que considero, não temos babá, e às vezes tenho vontade de perguntar a mãe por que não os deixou em casa. Melhor não criar conflitos, então deixa isso pra lá.

E voltando ao restô: pegue aquele feriado esquisito e nublado, almoce às 16:00 e pronto. Tá aí uma coisa que flexibilizou muito depois que o Dani nasceu: eu chamo de almoço qualquer coisa que eu coma entre 12:00 e 17:00.

E um lugar que fomos assim, rapidinho, foi o Butcher's Shop. Sim, aquele famoso, das filas, esperas, pessoas descoladas e a la NYC. Estava super tranquilo, sem espera, muitas mesas, e o bebê conforto foi acomodado usando duas cadeiras. Já conhecíamos o lugar e sabíamos exatamente o que pedir. Nos ofereceram também a opção de ir para o andar de cima, mas não foi preciso. Pedimos rápido, comemos sem pressa, mas de forma objetiva, e fomos embora. E matei a lombriga do milkshake de chocolate.

No comments: