May 9, 2011

O flash de câmera

Começamos a ter aulas com flash de câmera e a entender um pouquinho mais sobre ele. O flash de câmera não é o embutido que vem ali e levanta quando você tira alguma foto no automático. Ele é aquela coisa compridinha que é acoplada na parte de cima da câmera.

Quando comprei a minha, me recomendaram comprar um flash. Mas naquele momento eu mal sabia usá-lo e achei que era um investimento que deveria esperar um pouco. Agora estou morrendo de vontade de comprar um!

Além de iluminar bem a foto, não assustar as pessoas e não deixar todo mundo com cara de fantasma, você ainda pode escolher a direção da luz, colocar difusores, filtros, enfim! Inúmeras opções, que variam de acordo com o que está sendo fotografado.


E olha o que eu fiz: deixei minha câmera ali paradinha no tripé e usei o flash de diferentes formas. Aí deixei algumas especificações fixas: ISO100 e f9.0. Começando pelo canto esquerdo superior e indo em sentido horário:

1. Foto sem flash
2. Foto com flash embutido
3. Foto com 9 disparos de flash de câmera atrás do potinho, perpendicular à lente
4. Flash com filtro laranja à direita da lente

Eu gostei bastante do efeito alaranjado do filtro. Há também outras cores e opções, e claro que você sempre pode aplicar filtros no Photoshop. Mas a ideia dessas aulas sempre tem sido conseguir obter uma foto legal sem ter que editá-la.

May 7, 2011

Sopa de Mandioquinha

Acho que todo mundo sabe fazer sopa de mandioquinha. Mas mesmo assim, não tem dias que a gente faz algo que fica bem melhor do que das vezes anteriores? E também tem aqueles em que parece que tudo dá errado!

Hoje foi um dos dias bons, em que uma sopa de mandioquinha caiu super bem como jantar e saiu melhor do que a encomenda. O maridão amou a sopa, e resolvi compartilhar a receita aqui. Teve um segredinho especial: outro dia sobrou um pouco do [espaguete de alho negro] em uma das reuniões da Dedo de Moça. Lá foi ele pra panela!

Foto tirada com o celular... Não ia deixar a sopa esfriar, né?

2 colheres de azeite/óleo vegetal
5 mandioquinhas descascadas e cortadas
1 cebola picada
1 xícara de água
1 xícara de caldo de frango caseiro
3 dentes de alho negro
2 colheres de sopa de requeijão
1 ramo de alecrim
sal e pimenta
azeite extra virgem bom pra finalizar

Refogue as mandioquinhas até que elas mudem um pouco de cor, ficando mais amarelas e douradas. Adicione as cebolas e refogue até ficarem transparentes. Essa refogada ressalta o sabor da mandioquinha, e deve ser feita em qualquer sopa com legumes pra ficar mais saborosa. Além disso, eu refogo a cebola depois pois gosto dela transparente, mas não queimada.

Cubra com água e caldo de frango. Sem usar o de cubinho, hein?!

Passe o alho negro por uma peneira e adicione a sopa. Deixe a sopa ferver por 20 minutos, ou até os pedaços de mandioquinha ficarem macios.

Adicione o requeijão e bata a sopa em um liquidificador ou use um mixer na própria panela. Por fim, coloque o alecrim e deixe cozinhar por mais 5 minutos. Ajuste o sal e a pimenta - sempre moída na hora, dá um sabor muito melhor!

Coloque umas gotinhas de azeite. Vale inve$$$tir em um azeite extra virgem legal para finalizações e molhinhos de salada incrementadas! Mas deixe ele bem escondido da luz (para evitar oxidação e gosto de ranso) e de pessoas que usarão pra fritar bife! Não ficou tão bonito quanto eu esperava, mas dá um gostinho especial!

May 1, 2011

E o fotômetro... Nhoc.

A aula de sexta-feira foi sobre o fotômetro.

Fiquei pensando durante o final de semana: será que os leitores desse blog se interessam MESMO sobre o que é o fotômetro, como funciona, pra que serve? Acho que não! A aula foi bem técnica, e até a professora falou que seria um tema chato.

Então pra não chatear ninguém, fica aqui só a minha foto favorita do dia.


PS: se você tiver interesse em saber pra que serve o fotômetro, deixa um comentário que eu explico!